21 de abr de 2012

TRABALHOS DA 6ª SÉRIE

EU NAS CRUZADAS,

por Paola Pompeo


           Eu era muito jovem quando aconteceu a quarta Cruzada, os católicos queriam libertar Jerusalém dos mulçumanos, pois era a Terra Santa e foi tomada pelos Turcos.



Naquela época a igreja concedia o perdão dos pecados a quem participasse das Cruzadas. Eu fui lutar junto com todas as pessoas e me disfarcei de homem colocando a roupa branca desenhada uma cruz vermelha e prendi o cabelo.

Lá fomos todos lutarem. O resultado foi um fracasso, mas houve alguns resultados bons que foi o crescimento da população e do comércio.

                   FIM.

As cruzadas que participei,

por Luiz Vendrasco Tacin



     No começo achei que era tudo fácil, pois o Papa Urbano II nos disse que os muçulmanos conseguiram dominar a maioria de Jerusalém, mas estava otimista, pois achei que tinha alguém lá que poderia nos ajudar.

     E fiquei treinando muito, pois se ganhássemos o Papa daria alguma recompensa por ir e combater.

     Chegado o dia de ir o papa nos perdou os pecados, fui até lá com o meu exército perto de um comércio sem nenhum guarda e o mais incrível estava perto do castelo que era atrás do comércio.

     Ficamos observando tudo antes de atacar, fomos destruindo cada tenda até alguém vir, mas ninguém vinha, destruímos tudo e ninguém veio, de repente, um arqueiro na muralha, fiquei atrás de uma tenda e quando olhei já estava cheio de arqueiros, e alguns homens armados com espada, não liguei para os arqueiros e fui sem medo matei alguns e fiquei atrás de outra tenda, olhei para o lado e vi a ponte do castelo se abrindo não pensei em outra coisa se não entrar, mas era uma emboscada veio um em cima de mim e matei só que não esperava os arqueiros e não pude evitar um tiro certeiro em meu braço corri em uma proteção, mas tinha guerreiros lá e morri.
FIM


Cruzadas,
por Maria Eduarda de Souza


            Eu sou Maria Eduarda e participei de uma cruzada no século XI. Naquela época foi conhecido como um movimento religioso, militar e também econômico.

A cruzada foi realizada pela Igreja Católica; para libertar Jerusalém dos muçulmanos. Eu sou uma nobre e as Cruzada foi difícil para todos. Nós lutamos muito para libertar Jerusalém dos muçulmanos, fracassamos.

Mas houve bastantes resultados positivos: o começo do comércio, porque muitos cruzados voltaram da Europa e fizeram as feiras comerciais.

Vários conhecimentos do Oriente foram levados para a Europa, havendo para nós um enriquecimento comercial.

 FIM
                     

As cruzadas,

por Matheus Augusto Batista

 Fui chamado para as cruzadas pelo papa. Ele disse que ia dar o perdão dos pecados para quem fosse as cruzadas. Fomos com o objetivo de libertar Jerusalém dos muçulmanos. Demorei quarenta e cinco anos para voltar.

Em uma das Cruzadas, oito de nós morreram, mas a morte de meus amigos foi compensada: matamos quarenta de outros grupos, vencemos três cruzadas e perdemos cinco.

Na oitava cruzada morri de um vírus de um guerreiro da Europa que tinha sido infectado por uma picada de inseto venenoso.

Fracassamos, não conseguimos libertar Jerusalém dos muçulmanos, mas trouxemos o comercio para Europa.

 FIM


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...